25 de julho de 2009

"A Revolução das Energias Renováveis"


Picado daqui.
Eu sou totalmente a favor das "energias verdes", mas estas turbinas assustam-me. Fazem-me lembrar a Guerra dos Mundos ou os Tripods.
Elas são mesmo enervantes!
- Tenho a impressão que a qualquer momento elas vão... **ruir**
***sons das eólicas a ganharem vida e deslocarem-se***
- Oh! Não! Vêm nesta direcção! 
- Al Gore, desgraçaste-nos! Foge!
- E agora?
- Alguém tem de pará-las!
- Mas quem?
- Afastem-se! (D. Quixote).

3 comentários:

  1. Se ao menos as pintassem de verde para nos criarem a ilusão...

    O post é bem elucidativo!...

    ResponderEliminar
  2. Bom Amigo, parece que algo se passou com o senhor Pe. João António.
    A última que corre por Lamego, esperando que não seja verdade, é o que o senhor reitor do Seminário foi substituído. Um homem santo, sábio, fidelissímo ao Santo Padre, que promovia a adoração nocturna, a recitação diária do Terço, da meditação pessoal e comunitária, a formação doutrinal, a exposição frequente do Santíssimo.
    Tem para aí uns 15 livros publicados.
    Mas houve quem não gostasse. pressionaram o bispo e parece que já foi afastado.
    Quem fica a perder é o futuro, são os futuros padres.
    Porque é que os bons é que têm de sofrer?
    Rezem por Lamego, por favor. Isto está um deserto espiritual.
    E escrevam, com respeito e sem medo, para bispo@diocese-lamego.pt.
    O senhor pe. João António remeteu-se a uma posição discreta. Ninguém o vê. Nós é que precisamos dele.

    ResponderEliminar
  3. Fico estarrecido e, pior, chego a sentir um certo medo ao ler as suas palavras. Há quem silencie palavras de um homem justo? Com que objectivo? O senhor Pe. João António faz mais pela evangelização e pela catequese que muitos prebendados e muitas cátedras a quem a ociosidade e a honraria tolhem a visão. Infelizmente não fico surpreendido, embora seja grande a consternação que sinto...Farei os possíveis para fazer ouvir a minha indignação que, aliás, não é coisa nova em Lamego, terra de tão boa gente que alguns (felizmente poucos) querem infamar e denegrir como sendo couto de intolerantes e persecutores.

    ResponderEliminar

A Democracia exige Responsabilidade individual. Nicks, anónimos ou mensagens insultuosas demonstram faltam de auto-estima, comportamentos associais e incapacidade de lidar com a opinião alheia e, como tal, não serão publicados.