20 de dezembro de 2008

O Simplex cerebral.



Muitos dias a correr para a Loja do Cidadão. Muitas horas a preencher papéis; muitos papéis para outros preencherem, - como o atestado de robustez física que é, provavelmente, o documento menos utilitário e mais irracional que o Simplex ainda mantém. Em suma, o Simplex de Sócrates funciona em pleno: mantém os cidadãos distraídos, os funcionários públicos ocupados e o país lá roda, roda, como o burro na nora. § Entretanto, num país paralelo, não sei se acima, se abaixo deste, se nas profundezas cálidas do Inferno, se nas nuvens fofas e espessas do Céu, roubam-se os bancos e os clientes, os políticos fogem à crise, sobretudo às sextas-feiras e os outros, todos nós comuns mortais (dos quais se excluem alguns futebolistas, juízes e casais McCann) lá vamos rindo e cantando. Grécia? Não, aquilo é lá com eles. Os nossos jovens sabem pouco de política. É mais playstation, Morangos com Açucar e uns copos no Bairro ou na Ribeira. Estes cerebrozinhos obesos embebidos em álcool não vão longe como os seus congéneres gregos, a não ser que, por acidente, se lhes ateie a cabeça encharcada do alcoól como um cocktail molotov Mas nunca será pelas mesmas razões. Ainda não têm fome, nem emprego (nem precisam), nem lhes falta de gasolina para o picanço, a corrida às discotecas. As lojas estão cheias e eles sempre na moda. Já há laca para cabelos de rapazes, as calças abaixo das nádegas, os brincos de prata de lei e isto quanto a eles, pois nem sequer concebo meninas de unhas vidradas a atirar pedregulhos à polícia de choque. Dizem-me: lá chegaremos. Não, não acredito. Este país de brandos costumes gosta de arder em lume brando. Apodrece e regenera. É assim há muitos anos e vais continuar a sê-lo por muitos mais. O nosso cocktail é o das festas e o molotov o do fogo de artifício do Ano Novo que se aproxima. Venha 2009. Tudo está bem quando acaba bem.

2 comentários:

  1. Pois que venha!2009! mas...se não houver recolha de lixo durante o Natal!... deveremos dizer pois que venha o lixo que não me importo de ficar todo "lixado"...Assim como assim já estamos a apodrecer...há uns séculos

    ResponderEliminar
  2. E nem sequer podemos dizer que os cães ladram enquanto a caravana passa...

    ResponderEliminar

A Democracia exige Responsabilidade individual. Nicks, anónimos ou mensagens insultuosas demonstram faltam de auto-estima, comportamentos associais e incapacidade de lidar com a opinião alheia e, como tal, não serão publicados.