10 de dezembro de 2008

Não há palavras de que eu não goste...

...quando se trata da prosa e da cronística do J. A. Maltez.

1 comentário:

  1. há! assim eu gosto de palavras...as que dizem! da procura interior...e descobrem, mesmo na penumbra ou nos pequenos caminhos..."outros sinais"... O Nuno sempre a presentear-nos com palavras novas.

    ResponderEliminar

A Democracia exige Responsabilidade individual. Nicks, anónimos ou mensagens insultuosas demonstram faltam de auto-estima, comportamentos associais e incapacidade de lidar com a opinião alheia e, como tal, não serão publicados.