17 de fevereiro de 2008

E porque hoje é domingo.

Onde estão os nossos amigos, aqueles com quem partilhámos as carteiras na primária e no ciclo, aqueles com quem partilhámos segredos e desejos no secundário, ou aqueles com quem, ainda não há muito tempo, jurámos promessas na faculdade? Quando olhamos para trás e tentamos contabilizar o número de pessoas que vimos, com quem falámos ou aqueles com quem deveriamos ter falado e não o fizemos, assoma um arrepio... § Às vezes parece que, vivendo na mesma rua da mesma cidade do mesmo país há tanto tempo... a geografia não se compadece com os acasos da nossa vida. É como se as peças do xadrez não movessem e o tabuleiro sim. Uma solidão com gente dentro.

2 comentários:

  1. Faço a mesma leitura que tu. Eu já desisti de olhar para trás, para não morrer de susto ou de melancolia.

    Abraço

    ResponderEliminar
  2. "À medida que os dias passam tomo mais consciência dessa solidão de que falas... No entanto, quanto mais consciente fico mais gosto de estar só, porque também entendo que é a única forma que tenho de poder ouvir-me!
    As pessoas que passam pelas nossas vidas ficam o tempo necessário para passar a mensagem que precisamos de ouvir. Assim, cada encontro é uma dádiva que nos permite crescer, apreender as lições necessárias para cumprirmos o papel que nos foi destinado.
    A solidão é por isso necessária e tão saborosa quanto a alegria de estar com todos os que convivem e patilham a nossa vida. Importa assim é estarmos presentes - digo verdadeira e efectivamente presentes - em cada momento.
    O momento a viver é sempre o presente, saboreando-o intensamente. Esta lição que parece tão simples é no entanto das mais difíceis de apreender porque somos seres que vivem com o passado sempre "presente" e a pensar no "futuro".
    Já aprendi tanta coisa contigo em tão poucos dias e horas que estivemos juntos que apenas espero humildemente poder um dia te agradecer, retribuindo de alguma forma. Por enquanto, apenas posso dizer, Obrigada!
    Vemo-nos por aí, saboreando os momentos presentes que espero serem muitos e repletos de alegria, aprendizagem e real partilha!"

    Um abraço


    ângela

    ResponderEliminar

A Democracia exige Responsabilidade individual. Nicks, anónimos ou mensagens insultuosas demonstram faltam de auto-estima, comportamentos associais e incapacidade de lidar com a opinião alheia e, como tal, não serão publicados.